A programação especial contou com uma gincana e um lanche de comidas típicas
 Por Aline Pio – Fonte: SECOM

Os adolescentes, cumpridores de medidas socioeducativas, da Unidade de Semiliberdade Masculina (USL) de Gurupi, participaram na última terça, 18, de uma programação especial em comemoração as festas juninas.

Com o objetivo de promover a reintegração social, a programação contou com uma gincana recreativa que envolveu todos os oito socioeducandos da unidade. Eles foram divididos em dois grupos e realizaram provas como, corrida do ovo e pescaria. Em seguida, foi servido um lanche de comidas típicas como: canjica, arroz doce, bolo de milho e pipoca.

Segundo o Chefe da USL Masculina de Gurupi, Ricardo Figueiredo de Oliveira, a gincana serviu para fortalecer o convívio entre os adolescentes, uma vez que “Não houve grupinhos. Eles tiveram que se unir para competir. Colocamos um servidor da unidade em cada grupo como capitão da equipe. Houve interação e eles se divertiram muito”, comemorou.

Ricardo, também explicou que, a programação serviu para que os adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa percebessem que é possível viver em comunidade sem confusões e brigas e se divertir sem consumir álcool ou drogas.

Para o adolescente, J.V.S.B., 18, a festa foi de grande valor para todos os presentes, proporcionou integração entre os socioeducandos, e entre estes, e os funcionários da unidade. “Este evento promoveu a cultura e a comunicação entre os internos, sem falar que as brincadeiras e comidas foram muito boas”, destacou.

 Eventos Culturais

 A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça, por meio da Superintendência de Administração do Sistema de Proteção dos Direitos da Criança e do Adolescente, incentiva a realização de atividades culturais e tradicionais como parte das ações de socioeducação com foco na ressocialização.

O Chefe da Unidade, Ricardo Figueiredo de Oliveira, explica que eventos culturais e de lazer são rotineiros para os socioeducandos, pois a direção da unidade busca a inserção dos adolescentes em atividades que promovam a reintegração dos adolescentes ao convívio social.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui