Modelo FARCOM chega ao Estado do Mato Grosso do Sul

0
26
A Federação das Associações de Rádios Comunitárias do Estado de Mato Grosso do Sul – FARCOM/MS será criada neste sábado, em Dourados, e contará com a presença de representantes da FARCOM/PR e FARCOM/TO.
Por Aline Pio – FARCOM/TO

Neste sábado, 23, será criada a Federação das Associações de Rádios Comunitárias do Estado de Mato Grosso do Sul – FARCOM/MS, em Dourados/MS. No evento, realizado a partir das 8h30, os representantes desse segmento conhecerão um pouco mais sobre o modelo de representatividade e atuação adotado no Tocantins e Paraná, por meio da FARCOM/TO e FARCOM/PR.

O idealizador deste modelo, Presidente da FARCOM/TO, Geraldo Freitas, frisa que, “somente através da união e um trabalho alinhado, com uma atuação organizada e especialmente sem nenhum tipo de viés ou compromisso político-partidário é que as rádios comunitárias poderão avançar e se tornarem o maior sistema de comunicação em cada Estado e, a partir daí, conquistar visibilidade, respeito e a confiança necessária para buscar os resultados esperados e a sustentabilidade para suas atividades.”

A criação da FARCOM/MS é um avanço para as rádios comunitárias dessa região, como está sendo para a FARCOM/PR, implantada neste ano de 2019, com mais de 180 emissoras oficialmente filiadas. O Presidente da FARCOM/PR, Luiz Dzulinski, ressalta que “foi conhecendo o projeto da FARCOM/TO que motivou uma antiga Entidade do Paraná, por mim também representada, a adotar esse novo modelo, que vem trazendo muitos benefícios para as rádios filiadas do Tocantins, inclusive financeiro, em parceria com o Governo do Estado, Assembleia Legislativa, e Sistema ‘S’, e já estamos avançando nesse sentido aqui no Paraná.”

O Vice-Presidente da FARCOM/PR, Vandersom Dubinski, que coordenará a reunião deste sábado, destaca também que “o modelo FARCOM utiliza um princípio sistêmico de atuação, onde o objeto é implantar em cada Estado para tornar as RádioCom’s no maior sistema de comunicação do Brasil, já que são quase 5 mil outorgas para o serviço de Radiodifusão Comunitária em todo o País, e se todos trabalharem de forma alinhada, com certeza teremos grandes êxitos.”

Modelo FARCOM

Pioneira no segmento, fundada em 31 de janeiro de 2015, a Federação das Associações de Rádios Comunitárias do Estado do Tocantins – FARCOM/TO foi constituída para promover o desenvolvimento e o fortalecimento das entidades mantenedoras de radiodifusão comunitária formalmente em atividade no Estado, que hoje somam 60 filiadas.

Foto: FARCOM/TO.