Existem uns leves atritos na Câmara em relação à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do PreviPalmas. Insatisfeitos, vereadores reclamaram ao CT da falta de comunicação do presidente da CPI, Júnior Geo (Pros). “O Geo faz carreira solo, não conversa com ninguém”, disparou um parlamentar. “É professor de Deus”, ironizou outro. “Ele acha que ele é a Câmara”, completou um terceiro.

Geo se elegeu deputado estadual em outubro.

A comissão vai ouvir às 16 horas desta terça-feira, 6, o ex-prefeito Carlos Amastha (PSB), o atual presidente do PreviPalmas, Carlos Spegiorin; e o presidente do conselho do órgão, Eron Bringel.

Apesar das insatisfações com a condução de Geo, os vereadores avisaram que não vão se deixar vencer para habilidosa retórica de Amastha.


Compartilhar:

Deixe seus Comentario