O governo do Estado inaugurou novas unidades da Polícia Civil (PC) e uma da Polícia Científica no norte do Estado, na sexta-feira, 31. Por volta das 9h30, em solenidade no complexo de delegacias de Polícia Civil de Colinas do Tocantins, está as sedes da central de atendimento e dos núcleos de identificação, perícia criminal e médico-legal daquela localidade.

O complexo de delegacias, com 600 metros quadrados de área construída, está localizado na Rua 3, número 1.792, no centro da cidade, e sedia cinco unidades policiais civis, entre elas as 1ª e 2ª Delegacias de Polícia Civil, as Delegacias Especializadas em Atendimento à Mulher e da Criança e do Adolescente, assim com a 7ª Delegacia Regional da Polícia Civil (DRPC), esta última abrangendo, além de Colinas, as unidades em Arapoema, Bandeirantes, Bernardo Sayão, Brasilândia, Juarina, Presidente Kennedy e Tupiratins.

Sua nova estrutura contempla prédio com mobiliário e equipamentos de informática e ares-condicionados novos, copa, banheiros, recepção, salas de reunião e custódia, central de boletins de ocorrência, seções de cartórios e de gabinetes de delegados, depósitos, rampa de acesso para cadeirantes, entre outros, e representa a valorização de servidores administrativos e policiais civis, bem como melhoria no atendimento e eficiência da prestação de serviços à população que garantam o exercício de seus direitos e a sua segurança.

Estiveram presentes na cerimônia, autoridades policiais civis e militares, além de representantes dos Poderes Executivo e Legislativo locais e do Ministério Público do Estado do Tocantins, que, após encerramento do ato no complexo de delegacias, foram convidados pela titular da 7ª DRPC, Olodes Maria Oliveira Freitas, a visitar as dependências da Central de Atendimento e dos Núcleos de Identificação, Perícia Criminal e Médico-Legal de Colinas do Tocantins.

Às 15 horas, foi a vez da cidade de Wanderlândia, a cerca de 50 km de Araguaína, celebrar o feito em prol da segurança pública no Tocantins, com a entrega da sede própria da Delegacia de Polícia local. A delegada titular Sarah Lílian de Souza Rezende realizou o corte de fita inaugural ao lado do subsecretário de Estado da Segurança Pública, Wlademir Costa Mota Oliveira, e dos colaboradores na implementação da obra, o prefeito municipal Eduardo Silva Madruga e o Presidente da Câmara Municipal de Wanderlândia, o vereador e agente de Polícia Civil Taylor Soares Leite.

Para o delegado-geral da Polícia Civil do Estado do Tocantins, Vinícius Mendes Oliveira, que também atuou como delegado na cidade de Colinas do Tocantins, a entrega das novas sedes representa a concretização de um sonho, como Policial Civil, mas também “reconhecimento da população de que a Polícia Civil está fazendo um belo trabalho. E um excelente serviço necessita de um local com condições mais dignas para se atuar”, frisou.

O superintendente da Polícia Científica do Estado do Tocantins, Zilmondes Ferreira Feitosa, tratou a entrega da unidade da Polícia Científica no norte do Estado como obra “de suma importância para trazer melhor qualidade ao serviço prestado à população de Colinas e para a maior valorização dos servidores”.

O subsecretário de Estado da Segurança Pública, Wlademir Costa Mota Oliveira, que representou o secretário da pasta, Fernando Ubaldo Monteiro Barbosa, em ambas as solenidades, reforçou o compromisso da Instituição com o fortalecimento da Polícia Civil em todo o Estado, que perpassa “a melhoria da estrutura física das unidades policiais, mas também o cuidado com cada um de nossos servidores”, ressaltou. (Com informações da ascom da SSP)


Compartilhar:

Deixe seus Comentario