O corpo do policial militar Junivaldo Pereira de Melo, de 43 anos, está sendo velado na casa da família dele em Porto Nacional. O sargento foi encontrado morto em um matagal na manhã desta terça-feira (7). A Delegacia de Homicídios está investigando o caso e a principal suspeita é de execução.

O PM morava com os pais e uma filha na casa onde o velório é realizado. Parente e amigos estão reunidos no local para se despedir.

Na segunda-feira (6) Junivaldo Pereira estava de folga e foi com amigos até uma fazenda na zona rural da cidade. A polícia não informou em que momento ele desapareceu. O corpo foi localizado durante a manhã em um matagal a cerca de 200 metros da sede da fazenda e tinha várias marcas de tiros, inclusive na cabeça e no rosto.

O sargento entrou na Polícia Militar em 2004. Ele trabalhava na capital, no 6º Batalhão, em Taquaralto.

Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.


Compartilhar:

Deixe seus Comentario