Segundo comunicado, exercícios visam conter ‘atos desestabilizadores e ilícitos’. Conselho de Segurança da ONU terá reunião nesta quarta sobre teste de míssil intercontinental da Coreia do Norte.

Coreia do Norte diz ter testado míssil que alcançaria Alasca, nos EUA

Coreia do Norte diz ter testado míssil que alcançaria Alasca, nos EUA

A Coreia do Sul e os Estados Unidos realizaram nas primeiras horas de quarta (5, horário local) , uma simulação de uma ofensiva com mísseis balísticos tendo como alvo o Norte. Segundo um release divulgado pela aliança militar dos dois países, durante o exercício mísseis foram disparados em águas territoriais da Coreia do Sul, na costa leste.

Um comunicado dos EUA afirmou ainda que os disparos foram realizados com “capacidade de ataque precisa e profunda” e que a meta do exercício é treinar ações para “conter atos desestabilizadores e ilícitos” da Coreia do Norte.

Na manhã de terça, a Coreia do Norte realizou seu primeiro teste com um míssil intercontinental. Segundo o regime norte-coreano, o lançamento foi bem sucedido.

Conselho de Segurança

O Conselho de Segurança da ONU informou que irá realizar uma reunião nesta quarta sobre o teste de míssil da Coreia do Norte. O encontro havia sido solicitado pelos Estados Unidos.

Em um comunicado, o secretário-geral da ONU, António Guterres, condenou fortemente o lançamento realizado pela Coreia do Norte. Segundo ele, a ação é uma “flagrante violação de resoluções do Conselho de Segurança e constitui uma escalada perigosa da situação”.

http://g1.globo.com/mundo/noticia/coreia-do-sul-e-eua-realizam-simulacao-com-misseis-apos-teste-da-coreia-do-norte.ghtml


Compartilhar:

Deixe seus Comentario